Como organizar seus estudos para o ENEM 2021 - Enem Digital

Como organizar seus estudos para o ENEM 2021

O Enem é considerado uma das provas mais importantes para os alunos que estão na reta final do ensino médio. Sendo assim, estudar para esta avaliação requer não só  muita dedicação, mas também  uma quantidade extra de disciplina e organização. Além disso, é crucial que o estudante crie um planejamento de estudo para que tenha maior aproveitamento do conteúdo visto nesse período de aprendizado.

Apesar de ser um ótimo aliado para obtenção de resultados, é importante ressaltar que não basta apenas criar um plano de estudo sem qualquer análise prévia. Isso quer dizer, que antes de elaborar o plano de estudos, o estudante deverá verificar os tipos de matérias que serão cobradas na prova, ler o edital para entender como funciona o Exame e separar as disciplinas de acordo com o nível de dificuldade, ou seja, as que forem mais complexas, devem ter maior atenção e dedicação do aluno. Afinal, o planejamento precisa ser bem feito e funcional, para que atenda todas  as necessidades do candidato.

Ainda não sabe como criar um plano de estudos ? Fique tranquilo, separamos aqui um guia exclusivo para você montar o seu. Confira!

Para que serve um plano de estudos ?


O plano de estudos é uma espécie de ferramenta cujo objetivo é auxiliar o estudante na organização do seu tempo e ordem de aprendizado, dividindo os momentos dedicados à educação de forma igualitária e funcional.

Pense no plano de estudos como um jogo de videogame. Nele, assim como nos jogos de console, a principal motivação do aluno será zerar o cronograma de estudos. Ou seja, a cada etapa cumprida no cronograma, o estudante irá avançar para outra fase, em que verá novos temas, disciplinas, questões e etc. E assim sucessivamente, até terminar todo o planejamento.

Mas lembre-se, cada pessoa tem a sua forma de elaborar o seu próprio plano de estudos. Deste modo, cada planejamento funciona de uma maneira única. Por isso, evite pegar planejamentos de estudos prontos na internet. Isso pode acabar prejudicando o seu aprendizado.

Criando plano de estudos para o Enem 2021


Atualmente, o Enem é considerado o principal meio de acesso ao ensino superior no Brasil. Deste modo, é natural que muitos alunos busquem formas de organizar os estudos de acordo com o edital do Exame.

Por ser uma avaliação que ocorre apenas no fim do ano, o período até a realização da prova permite que o candidato crie ao longo dos meses um cronograma de estudos com calma e resiliência.

As provas do Enem engloba quatro áreas do conhecimento.

  • Ciências Humanas e suas Tecnologias: História, Geografia, Filosofia e Sociologia;
  • Ciências da Natureza e suas Tecnologias: Química, Física e Biologia;
  • Linguagens, Códigos e suas Tecnologias: Língua Portuguesa, Língua Estrangeira (espanhol ou inglês), Literatura, Educação Física, Artes, Tecnologias da Informação e Comunicação;
  • Matemática e suas Tecnologias: Matemática.

Vale lembrar, que além dos quatro tipos de prova, o Enem ainda cobra redação dos estudantes. E esta tem grande peso no resultado final do Exame. Para muitos candidatos, o Enem é uma das provas mais difíceis de se fazer, tendo em vista a sua quantidade de questões e tempo de realização.

Em razão disso, ter em mãos um plano de estudos para auxiliar na preparação para a prova, pode ser bastante benéfico. Pensando nisso, separamos aqui algumas dicas de como você pode dar início no seu cronograma de estudos. Veja!

Estabeleça uma rotina


Como já mencionado anteriormente, a primeira etapa para criar um plano de estudos que atenda todas as suas necessidades é conhecer e entender bem a sua rotina.

Para isso, basta você se fazer algumas perguntas básicas, como:

  • Qual é a minha real disponibilidade de tempo para estudar?
  • De todo meu tempo disponível, quantas horas consigo estudar com qualidade?
  • O que eu posso deixar de fazer para conseguir ganhar mais tempo de estudo?
  • Quantas horas devo estudar por dia de acordo com minha realidade?

Essas simples perguntas devem ser respondidas com honestidade, pois, a partir delas, você irá entender melhor como encaixar os seus estudos no seu dia a dia.

Defina seus objetivos

Todas as nossas ações e decisões são feitas com base em um objetivo e uma meta. No plano de estudos acontece da mesma forma. Por se tratar de uma avaliação como o Enem, os objetivos e metas a serem atingidos devem ser bem claro. É óbvio que todo candidato participante do Enem tem como propósito alcançar nota suficiente para garantir a tão sonhada vaga no curso desejado. Por isso, crie o seu plano de estudos baseados nos sonhos que deseja realizar. Assim, você terá uma visão clara do caminho que deverá trilhar.

Horários de estudo

No plano de estudos uma das questões mais importante é o gerenciamento correto do tempo disponível para estudar. Ou seja, não adianta se dedicar várias horas do dias ou apenas alguns minutos ao estudos.

Tudo tem de ser pensado. Para isso, é crucial que o estudante estipule:

  • Pausas para descansar: São essenciais para recarregar as energias e processar todo o conteúdo estudado;
  • Analisar tudo o que foi ou será feito: Reserve alguns minutos do seu tempo para separar as disciplinas que tido mais dificuldades e adaptar as sua metas do dia;
  • Motivação: Pode parecer bem clichê, mas antes de iniciar os estudos, tire alguns minutinhos para ver alguns conteúdos motivadores. Diversos coaching incentivam que as pessoas crie várias colagens de tudo o que elas desejam em um papel e cole isso em um lugar visível, assim, toda vez que elas olharem para as imagens, irão lembrar do motivo pelo qual se esforçar tanto.
  • Divida suas disciplinas em blocos: Separe as matérias em blocos e reserve pelo menos 1h a 2h horas para cada bloco. Desta forma, você não irá gastar tanto tempo em uma só disciplina e não irá se cansar de ver o mesmo conteúdo.
  • Tire um dia de folga: Quantidade não significa qualidade. Por isso, tire um dia para espairecer e relaxar. Estudar é crucial, mas para aprender é necessário que seu corpo e cérebro estejam saudáveis e energizados.

Desafios da rotina de estudos


A quantidade de conteúdo disponível na internet é gigantesca. Por este motivo, muitos alunos costumam fazer uso de diversos planos de estudos prontos. Não faça isso! Como dito lá no início do texto, cada pessoa é única e  por isso cada plano de estudo também é.

Então não adianta pegar algo pronto, já que muita das vezes o cronograma não estará de acordo com a sua rotina e ritmo de aprendizado. Alguns outros erros são:

Não ser honesto consigo mesmo


Essa é a famosa síndrome da virada de ano. Muitas pessoas estabelecem objetivos fora da sua realidade e por isso raramente conseguem alcançar  tais ideais. Sendo assim, seja realista e honesto ao definir suas metas e objetivos.

Estude e aprenda no seu ritmo. Como dito pelos mais velhos – Não adianta querer abraçar o mundo com as pernas.

Não adaptar o plano de estudo


O plano de estudos não é algo fixo e que não pode ser alterado. Muito pelo contrário. Todo e qualquer planejamento deve ser visto, revisto e adaptado quantas vezes forem necessárias.

Mas como saber quando devo alterar meu cronograma? Simples, confira e analise os resultado obtidos em simulados. Caso tenha notado um decaimento do rendimento, essa é a hora perfeita para realizar mudanças no plano de estudos.

Desinteresse


Tempo e dedicação, essas são as palavras que definem a rotina de quem deseja participar do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

No entanto, apesar de criar o cronograma de estudos, muitos estudantes acabam perdendo o foco e deixando de lado o seu compromisso com os estudos. É natural perder o interesse e se cansar de estudar. Mas só quem pode conquistar o seu sucesso é você. Para tudo na vida se tem um obstáculo. Mas nada que não seja impossível de superar.